mp3HD – O mp3 em High Definition

A Thompson, uma das empresas co-criadora do formato MP3, anunciou no mês passado o lançamento do mp3HD. Este novo formato promete fazer a compressão dos arquivos de música sem perda na qualidade como acontece com o MP3 tradicional.

Logotipo mp3-hd

Você já deve ter lido, em algum lugar, os termos lossless e lossy, principalmente se já teve a curiosidade de pesquisar sobre formatos de músicas digitais. Você sabe o que eles significam?

Lossless é uma palavra em inglês, que significa “sem perda”. O novo mp3HD é um formato de áudio lossless, a perda de informações é muito pequena, ou não existe, quando um arquivo é convertido para essa nova extensão.

Lossy, por sua vez, é aquele formato que descarta muitos dados no momento da conversão, que é o caso do MP3.

A perda de informações e dados que é a perda de conteúdos da música. Por exemplo, se você pegar uma música que esteja no formato WAV com 30 MB e convertê-la para MP3, vai notar que seu tamanho irá diminuir significativamente. Mágica?!

Antes fosse! A grosso modo, pode-se dizer que o MP3 corta as partes inúteis da música, deixando apenas as frequências perceptíveis pelo ouvido humano. Isto permitiu que os arquivos ficassem menores, pois não há “excesso de informações”, apenas o que realmente interessa. Mas ainda assim, a informação é perdida, pois não há como recuperá-la.

A Thompson pensou então em criar uma “variação” do MP3 que não tivesse esta perda de informações, surgindo assim o mp3 de alta definição.

Os players de áudio ainda não estão preparados para reproduzir o formato mp3HD, exceto por um deles. O Winamp (ainda bem que sempre tem um apressadinho) já possui um plugin disponível para download que promete executar os arquivos de áudio extraindo todas as informações neles contida e reproduzindo com qualidade superior.

Há quem diga que a ideia não irá vingar e que o mp3HD cairá no esquecimento, como aconteceu com o MP3 5.1. Com o preço dos HDs e dispositivos de armazenamento caindo a cada dia, e a capacidade sempre aumentando, o problema de espaço em disco não seria uma desculpa tão boa assim para não aderir ao novo formato.

O fato de ser necessário pagar um taxa para obter codecs e codificadores para mp3HD talvez seja o motivo mais usado pelos usuários para não utilizar a extensão.

É grande o número de adaptações necessárias para que todos os meios suportem e executem os arquivos em um novo formato, mas se a qualidade realmente for superior à do MP3 convencional, talvez valha a pena! Que dúvida não?

A moda de High Definition parece ter dado certo para a maioria dos meios em que foi usada, mas será que MP3 em alta definição vai pegar?

Fonte: Baixaki – Artigos, Dicas e Tutoriais

Publicado em 19 de abril de 2009 | Deixe seu comentário
Palavras-chave: , ,

Quer receber em primeira mão tudo o acontece por aqui?

Então curta nossa página no Facebook, siga-nos no Twitter.

Se preferir, receba atualizações no seu e-mail:

Suas informações ficarão 100% seguras.

Rudinei

Rudinei

Técnico em informática, empresário e entusiasta de tecnologias livres. Trabalha desde 2005 com Desenvolvimento Web, Suporte Técnico em Informática e está estudando constantemente para o aperfeiçoamento profissional.

Outras publicações do autor (216)

Deixe seu comentário

Website